Cinco cidades incríveis no nordeste para conhecer na baixa temporada!

A sua oportunidade de viajar esse ano mal começou! A baixa temporada é um excelente momento para você realizar aquela viagem que você tanto sonha. Quer saber como? Venha com o Hurb e saiba mais!

Semíramis Moreira – Redação Hurb

Cinco cidades incríveis no nordeste para conhecer na baixa temporada!Se você acha que o melhor período de viajar é durante os meses da alta temporada, seria legal você rever seus pontos de vista: a baixa temporada tem oferecido boas oportunidades para você viajar pelo Nordeste. Sim, pelo Nordeste!

Pode não parecer, mas a baixa temporada, que compreende os meses de março, abril e maio, tem pacotes incríveis para as principais capitais e cidades turísticas do Nordeste e você não precisa se preocupar muito com a superlotação dos hotéis e passagens caras – acredite, esses itens se tornam bem mais em conta quando na baixa temporada. Isso acontece porque a alta temporada é considerada a época do turismo internacional – é quando turistas do mundo todo vem visitar nossas praias e também ocorre por causa das férias escolares. Você não precisa fazer como todo mundo e ainda pode lucrar muito com isso.

Atrações turísticas quase que totalmente livres para você conhecer cada detalhe e fotografar à vontade! Passeios e alimentação mais em conta, sem perder a qualidade! Os melhores quartos de hotéis sem pagar nada à mais. É por essas entre outras vantagens que vale muito à pena viajar na baixa temporada.

Não deixe de ver nossos pacotes para maio!

Recife

Recife tem muita história e cultura popular – a capital de Pernambuco tem inúmeras atrações o ano inteiro e vale a pena conhecer alguns pontos icônicos da cidade. Colorida e multicultural, é tida como a joia intelectual do Nordeste: pontos de encontro da intelectualidade nordestina se encontra no Instituto Ricardo Brennand de artes plásticas; no Centro de Cultura Cais do Sertão; no Paço do Frevo e no Museu do Homem do Nordeste.

O cenário natural conta com os belos parques das Esculturas, da Jaqueira e o Jardim Botânico de Recife e as encantadoras praias de Boa Viagem, Carneiros, Calhetas, Reserva do Paiva, entre outras.

Não deixe de conhecer o Marco Zero, as belíssimas igrejas coloniais, as pontes holandesas e a vida noturna animada ao som do forró, frevo, reggae – música para todas as tribos!

São Luís

São Luís é a animada capital do Maranhão – em maio começam os preparativos para as grandes festas do Bumba-meu-Boi e São João. Fundada por franceses em 1612, foi colonizada por portugueses que trouxeram toda o complexo arquitetônico, em belíssimas fachadas próprias do barroco tardio português.

O Centro Histórico datado do século XVIII e XIX é composto de praças, sobrados e casarões preservados. Enquanto o reggae embala as ruas tombadas pelo Patrimônio Histórico da Humanidade pela Unesco, os grandes casarões de barões dão espaço à centros culturais, mostra de arte e cultura popular, lojas, museus e restaurantes.

Por outro lado, São Luís também apresenta um lado cosmopolita, com arranha-céus, shoppings, lojas de marca, grandes redes de fast-food, mas também tem espaço garantido para a gastronomia popular. Você não deve deixar de conhecer as praias de Calhau, Olho D´água e Araçagi e curtir um fim de tarde/noite nos restaurantes e bares ao redor da Lagoa da Jansen.

João Pessoa

Uma das mais antigas capitais do Nordeste, João Pessoa, na Paraíba tem ruas arborizadas, orla preservada.

Um dos pontos turísticos mais importantes de João Pessoa é o Farol do Cabo Branco, sinalizando o ponto oriental extremo das Américas. O sol nasce primeiro nessas terras: No litoral sul, as praias agradáveis como a do Manaíra, Tambau, Tambaba, e Cabo Branco. Já no litoral norte, as praias mais concorridas pelos surfistas, com ondas perfeitas. Numa viagem em família não deixe de levar as crianças para mergulhar nas piscinas naturais de Picãozinho para ver os peixinhos coloridos.

A cena cultural de João Pessoa não deixa nada devendo a nenhuma outra cidade: O complexo arquitetônico da cidade possui importantes construções barrocas, datadas do século XVI. Durante a Semana Santa é possível ver a representação da Paixão de Cristo.

O forró é o ritmo que manda em João Pessoa – em junho, a cidade vive a explosão das animadas e coloridas quadrilhas espalhadas pela cidade – são muitos grupos ensaiados para garantir o melhor espetáculo.

Salvador

O que dizer de Salvador? Você sente que é diferente, que tem algo de mágico no ar. Uma cidade colonial, com casarios do século XVII e XVIII, plural, em todos os sentidos. Religiosa de vários matizes como sua gente – a simpatia explícita das baianas do acarajé, das cocadinhas, do vatapá e caruru…

Falar da capital da Bahia é como dormir nas redes tranquilas da praia de Itapuã, imortalizada em versos pelo poetinha Vinicius de Moraes, cuja casa transformou-se num centro cultural ou o batuque frenético das rodas de capoeira, do afoxé e dos cultos afro ou da cena boêmia do bairro Rio Vermelho.

Salvador tem desses encantos, como o Olodum descendo a Ladeira do Pelourinho ou a vista panorâmica do terraço do Hotel Faro Inn. Não perca a oportunidade de pegar o Elevador Lacerda, de conhecer a Lagoa de Abaeté ladeada de areias brancas… o problema é não querer voltar… e morrer de saudade depois…

Natal

Dunas de Genipabu, falésias de Pipa, as praias mais aconchegantes como Ponta Negra, Tibau do Sul, e da Pipa. Sim, Natal, no Rio Grande do Norte é um roteiro natural por excelência! Destino predileto dos amantes do ecoturismo, a cidade tem paisagens naturais preservadas e, de norte a sul da cidade, você terá roteiros de praia inesquecíveis, passeios incríveis, com ou sem emoção a bordo dos jipes e bugres que fazem a festa dos viajantes!

São 300 dias de sol, mar azul e dunas douradas – o Forte dos Reis Magos,datado de 1628, é um dos marcos mais importantes da cidade, assim como o Morro do Careca. A gastronomia é um capítulo à parte – muitos restaurantes e bares incríveis, inclusive na cena noturna, com bares e baladas da moda, na orla de Ponta Negra.

Aproveite a baixa estação para viver mais histórias felizes!

O Hurb valoriza o que é importante: Você. Conheça nossos pacotes – Viajar é possível!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *